Home

This slideshow requires JavaScript.

Paulo Pimenta, fotojornalista do Público há 16 anos, foi o protagonista de uma série de imagens que representam o que é ser fotojornalista hoje. Nesta viagem, é-nos mostrado que ser fotojornalista exige paixão, ética, atenção permanente e entrega. O analógico e os negativos deram lugar ao digital e às pequenas grandes memórias. As máquinas também evoluíram para o digital, mas continuam grandes e resistentes. O fotojornalismo é um trabalho de rua nem sempre fácil, lida com pessoas, requer investigação, mas Paulo Pimenta mostra que é fascinante porque é “através do teu olhar, da tua maneira de estar no mundo, que naquela fração de segundos, registas aquele momento”.

Ana Filipa Mesquita, Andreia Fernandes, Isadora Silva, Marta Lago, Ricardo Lima
Ciências da Comunicação – Universidade do Porto – 2014

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s